Pular para o conteúdo
Voltar

Alimentos: Instituições discutem resultados de pesquisa que monitora quantidade de agrotóxicos em MT

Solange Wollenhaupt

A | A

Representantes do Procon Estadual participaram nesta sexta-feira (06.11) de reunião do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (Para), promovida pela Vigilância Sanitária do Estado, em parceria com a Vigilância Sanitária de Cuiabá e Associação dos Supermercados de Mato Grosso (Asmat).

Durante o evento, realizado no Auditório da Asmat (Av. Beira Rio, nº 220, Bairro do Porto), foram apresentados resultados de análises de resíduos de agrotóxicos em alimentos no Estado de Mato Grosso. A reunião também teve o objetivo de discutir - com produtores, representantes do mercado varejista e demais instituições envolvidas com a produção e comércio de alimentos - os problemas e alternativas às questões relacionadas ao consumo de agrotóxico e estimular a rastreabilidade dos alimentos.

A superintendente, Gisela Simona Viana, que representou o Procon-MT no encontro, explica que os resultados da pesquisa são preocupantes, pois o uso de agrotóxicos para o cultivo dos alimentos está aumentando cada vez mais. Conforme Gisela, o órgão será parceiro no projeto de rastreabilidade dos alimentos, visto que o Código de Proteção e Defesa do Consumidor (CDC) garante a vida, saúde e segurança como direitos básicos dos consumidores.

Além disso, salienta a superintendente, o consumidor também tem o direito a informações sobre a origem dos produtos que adquire, se eles têm ou não agrotóxicos e se os resíduos estão dentro dos parâmetros admitidos no Brasil. “A reunião foi fundamental para darmos início a implementação desse projeto no Estado”, avalia.

O Programa

O Programa de Análises de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (Para) foi implantado em 2001 pelo governo federal, através da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O objetivo do programa é coletar alimentos, como grãos, frutas, legumes e verduras, para análise laboratorial de resíduos de agrotóxicos.

Atendimento no Procon

O Procon-MT atende em sua sede estadual na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (do CPA), nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h. Para registro de reclamações, audiências, consulta de processos e protocolo de documentos, o consumidor pode procurar a sede do Procon-MT, de segunda a sexta-feira, das 08h30 às 17h30.

No posto no Ganha Tempo, o atendimento ao público é de segunda a sexta-feira, das 07h30 às 18h30, e aos sábados, das 07h30 às 12h. No Posto na Assembleia Legislativa, o atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 151 ou 3613-8500. 18h. Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 151 ou 3613-8500.