Pular para o conteúdo
Voltar

Procon Estadual alerta consumidores da terceira idade sobre superendividamento

Jad Laranjeira/Solange Wollenhaupt

A | A

Cerca de 140 pessoas participaram de palestras educativas sobre combate ao superendividamento, promovidas pelo Procon Estadual, órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh). As palestras, voltadas a terceira idade, iniciaram na quarta-feira (19), com evento na sede do Coral da Melhor Idade 'Mestre Albertino', na Loja Maçônica Acácia Cuiabana. Na quinta-feira (20), o Centro de Convivência Padre Firmo Pinto Duarte, no Bairro do Porto, recebeu a equipe do Procon-MT.

Conforme o secretário adjunto de Justiça da Sejudh, Nestor Fidélis, o significativo aumento de idosos que contraíram empréstimos a altas taxas de juros preocupa o Governo do Estado. “Por essa razão, o Procon-MT está desenvolvendo uma série de eventos com o objetivo de promover a reflexão, a aprendizagem e a educação financeira”.

Durante os encontros, as conciliadoras de Defesa do Consumidor, Renata Resende e Márcia Botelho, falaram sobre orçamento doméstico, repassando orientações sobre consumo, a importância da pesquisa de preços e cuidados com parcelamento de compras. Também foram tratados assuntos voltados especificamente para a terceira idade, como os direitos garantidos pelo Estatuto do Idoso a respeito de saúde, transporte, assistência social, meia entrada e Direito do Consumidor, entre outros.

Labile Battar, de 72 anos, considera que a palestra foi positiva. “A atitude do Procon é maravilhosa, pois sabemos pouco sobre nossos direitos e deveres. O conhecimento é fundamental para podermos cobrar”, lembra a aposentada. Para Maria do Socorro, de 76 anos, a palestra foi informativa. “Tirei minhas dúvidas sobre empréstimos. Os idosos precisam estar atentos, pois tem muita gente querendo nos enganar”, alerta a pensionista.

A conciliadora Renata Resende salienta que as palestras educativas servem para alertar os idosos e prevenir que eles, enquanto consumidores, sejam lesados. “O foco do encontro foi o superendividamento. Falamos também sobre empréstimos consignados, um dos problemas que mais afetam os idosos na atualidade. O Procon está à disposição para atender e ajudar a todos que se sentirem lesados enquanto consumidores”, destaca a conciliadora do Procon Estadual. Após a palestra, os idosos aproveitaram para tirar dúvidas com as conciliadoras e receberam cartilhas com informações sobre Direito do Consumidor Idoso.

Para mais informações, procure o Procon-MT pelos telefones 151 ou 3613-8500. Para formalizar reclamações, o órgão atende em sua sede estadual na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, das 13h às 19 horas e no Posto de Atendimento do Ganha Tempo, de segunda a sexta-feira das 07h30 às 18h30 e aos sábados das 07h30 às 12 horas.