Pular para o conteúdo
Voltar

PROCON Estadual alerta sobre redução de juros dos bancos

Dominique Biancardini

A | A

Com a baixa de juros dos bancos, os consumidores têm que ficar atentos com o orçamento doméstico. A facilidade de obtenção de crédito e a publicidade agressiva de oferta ao crédito estão fazendo com que os consumidores passem a comprar mais.

O PROCON orienta que fazer novos empréstimos apenas por causa da redução dos juros, pode não ser a melhor opção. É preciso avaliar a real necessidade de fazer empréstimos, bem como o atual comprometimento da renda.

Optando pela realização de empréstimos ou outras operações de crédito é necessário pesquisar taxas de juros, os preços das tarifas de serviços cobradas e o custo efetivo total das operações.

O custo efetivo total deve ser informado obrigatoriamente pelos bancos e mostra o real gasto que o cliente terá com um financiamento, incluindo, além dos juros, o preço de eventuais seguros e impostos, por exemplo.

Novo empréstimo nesse momento pode ser importante para saldar dívidas contraídas com taxas de juros maiores tal como cartões de crédito, limite de cheque especial.

Para obter uma vida financeira saudável, é necessário saber administrar o dinheiro, planejando seus gastos, comprando produtos e serviços de forma que se garanta sempre o pagamento de despesas para preservar o mínimo existencial, tais como alimentação, água, moradia, energia elétrica, saúde, dentre outros.

Caso contrário ocorre o SUPERENDIVIDAMENTO, que consiste num conjunto de compromissos de crédito feitos pelo consumidor, além daquilo que ele pode realmente gastar, causando um desequilíbrio em sua renda, comprometendo seu sustento e de sua família.

Para mais informações, o Procon de Mato Grosso está localizado na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, n. 917, e atende ao público de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h. O órgão possui também um posto de atendimento no Ganha Tempo, Centro. Os telefones para dúvidas e orientações são 151 ou 3613-8500.