Pular para o conteúdo
Voltar

Procon-MT e CAB buscam alternativas eficazes para resolver problemas dos consumidores

Solange Wollenhaupt

A | A

Representantes do Procon-MT, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) e da CAB Ambiental Cuiabá, concessionária de serviços de rede de água e saneamento da capital, estiveram reunidos na tarde desta terça-feira (08), na sede do Procon Estadual.

O objetivo do encontro foi discutir alternativas para resolver problemas que os consumidores estão tendo com a concessionária e que chegam ao Procon-MT. Conforme a superintendente do órgão, Gisela Simona Viana de Souza, o que motivou a reunião foi o fato de a CAB ter liderado, por três meses consecutivos, o ranking de reclamações do Procon. “Nossa primeira intenção é resolver problema dos consumidores e na impossibilidade, usar o poder de polícia conferido por lei ao órgão”, explica Gisela.

O diretor operacional da concessionária, Celso Paschoal, e o gerente de Gestão de Clientes, Jorge Aquino, declararam ser de interesse da CAB buscar sempre o melhor atendimento aos clientes. “A reunião foi positiva. Precisamos alinhar um modelo de procedimento para aplicá-lo quando recebermos reclamações dos consumidores. Estamos buscando o melhor atendimento para o usuário. E só podemos fazer isso com o auxílio do Procon”, destacou Celso.

Na reunião ficou definido que a CAB irá elaborar propostas e estabelecer procedimentos para solucionar, da forma mais ágil possível, os principais problemas encaminhados ao Procon-MT. “Nós iremos analisar estas propostas. Vamos alinhar procedimentos para facilitar a vida da consumidor que está pagando para ter um serviço contínuo e de qualidade, mas está insatisfeito com a prestação de serviço recebida”, finalizou Gisela Viana.

O secretário adjunto de Justiça da Sejudh, Nestor Fidelis, lembra que o Procon é um órgão do Governo do Estado que tem por missão primordial a defesa do consumidor mato-grossense. “É importante ouvir as justificativas apresentadas pela CAB. No entanto, o Procon continuará fiscalizando e autuando. E o Município de Cuiabá, como contratante, também está acompanhando esta situação".

Para mais informações, procure o Procon-MT pelos telefones 151 ou 3613-8500. E para formalizar reclamações, o órgão atende em sua Sede Estadual na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, das 13 às 19 horas e no Posto de Atendimento do Ganha Tempo, de segunda a sexta-feira das 07h30min às 18h30min e aos sábados das 07h30min às 12 horas.