Pular para o conteúdo
Voltar

Sejudh e Defensoria Pública ampliam parceria para atender consumidores

Solange Wollenhaupt

A | A

Representantes da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos e da Defensoria Pública do Estado estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira (11.03), na sede do Procon Estadual, para discutir possibilidades de ampliação do Termo de Cooperação Técnica já existente entre os órgãos. A intenção é melhorar o atendimento ao consumidor com diversas medidas, como por exemplo, o incentivo à aproximação dos defensores públicos com os coordenadores dos Procons municipais; facilitação do acesso ao site www.consumidor.gov.br em todos os postos de atendimento da Defensoria; e atendimento móvel em bairros de Cuiabá e no interior de Mato Grosso.

O secretário da Sejudh, Márcio Dorilêo, disse que a intenção é fortalecer a parceria já existente entre os órgãos, aperfeiçoando as ações realizadas em conjunto na Capital. “Também queremos levar essa parceria para o interior do Estado para que possamos desenvolver uma política integrada entre as instituições e fortalecer a rede proteção aos consumidores”, salientou.

Para o segundo defensor público-geral, Caio Zumioti, a parceria da Defensoria Pública, Sejudh e Procon é muito importante, pois um órgão complementa a ação do outro, sempre buscando melhorias para o cidadão. A superintendente do Procon, Gisela Simona Viana, lembrou que as instituições já trabalham em conjunto e que durante a 3ª edição do Mutirão de Combate ao Superendividamento, que acontece até o dia 13/03, estão sendo desenvolvidas ações específicas para os consumidores superendividados.

Após a reunião, os representantes da Sejudh e da Defensoria participaram da abertura da palestra “Superendividamento: abusos na oferta de crédito”. O evento, promovido pelo Procon Estadual, para cerca de 40 alunos do 9º ano da Escola Municipal Elza Luiza Esteves, Bairro Canjica, foi ministrada pelo gerente de Fiscalização do Procon, Ivo Vinícius Firmo.

Mutirão

Para participar do Mutirão de Combate ao Superendividamento, os interessados devem comparecer à sede do Procon, de 09 a 13 de março, das 9h às 17h, munidos de documentos pessoais e, também, de algum documento que comprove a relação de consumo, como contratos, boletos e contas, por exemplo. A lista com as 65 empresas participantes pode ser consultada no site (www.procon.mt.gov.br) ou na sede do órgão.

Para mais informações, procure o Procon-MT pelos telefones 151 ou 3613-8500. O órgão atende em sua sede estadual na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h. Para registro de reclamações, audiências, consulta de processos e protocolo de documentos, o consumidor pode procurar a sede do Procon-MT, de segunda a sexta-feira, das 08h30 às 17h30. O órgão também possui Posto no Ganha Tempo, com atendimento ao público de segunda a sexta-feira, das 07h30 às 18h30, e aos sábados, das 07h30 às 12h.