Pular para o conteúdo
Voltar

Sejudh e Procon participam de reunião para assinatura de TAC da Telefonia Móvel

Solange Wollenhaupt

A | A

O secretário de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Luiz Antônio Pôssas de Carvalho, e a superintendente do Procon Estadual, Gisela Viana, acompanham nesta quinta-feira (10.04), na Assembleia Legislativa do Estado, a assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Telefonia Móvel. O evento será às 14h, na sala das Comissões “Luis Carlos Campos”.

A CPI da Telefonia Móvel foi criada em maio de 2013 (Ato nº07/13) e instalada em 13 de junho de 2013. A Comissão é presidida pelo deputado Ondanir Bortolini (Nininho) e tem Dilmar Dal Bosco como vice-presidente e Guilherme Maluf como relator.

O secretário da Sejudh explica que a CPI foi criada com o objetivo de investigar reclamações sobre a qualidade precária dos serviços prestados e a situação fiscal das empresas de telefonia móvel em Mato Grosso. “A telefonia móvel é um dos setores mais reclamados no Procon Estadual. Nossa participação é importante para que possamos monitorar o cumprimento do TAC e garantir um serviço de qualidade aos consumidores”, destaca.

Também participarão da reunião técnica representantes do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (Sinditelebrasil), operadoras (Vivo, Tim, Oi e Claro), Ministério Público Estadual, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MT) e Defensoria Pública Estadual.

Para mais informações, procure o Procon-MT pelos telefones 151 ou 3613-8500. E para formalizar reclamações, o órgão atende em sua Sede Estadual na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, das 13 às 19 horas e no Posto de Atendimento do Ganha Tempo, de segunda a sexta-feira das 07h30min às 18h30min e aos sábados das 07h30min às 12 horas.