Pular para o conteúdo
Voltar

Sindec: Problemas técnicos no sistema provocam atendimento parcial em todo Estado de Mato Grosso

Assessoria

A | A

O Procon Estadual informa que durante essa semana, o atendimento de todo o Estado será realizado de forma parcial, por conta de um problema decorrente de tecnologia no Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec).

O contratempo, que teve início na manhã de segunda (10/10), impossibilita o acesso ao Sindec, que é a ferramenta utilizada por todos os Procons do Estado, registrarem as solicitações, controle de fiscalização, controle de audiência, entre outros. Devido à dificuldade em acesso, aos procedimentos estão sendo realizadas manualmente, o que exige uma demanda maior de tempo.

Em virtude desses problemas, está sendo antecipada a migração para uma versão mais atualizada do Sistema. A nova atualização possibilitará um atendimento com maior agilidade para o consumidor.

O prazo previsto para a regularização, é até segunda-feira (17/10).

O Procon-MT orienta os consumidores a continuarem realizando as suas reclamações e audiências durante esse período, bem como pode ser utilizado o atendimento online por meio da plataforma www.consumidor.gov.br

Serviço

O Procon-MT é um órgão vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) e atende em sua sede estadual na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (do CPA), nº 917, Edifício Eldorado Executive Center – Bairro Araés, de segunda a sexta-feira, das 13h às 19h. Para registro de reclamações, audiências, consulta de processos e protocolo de documentos, o consumidor pode procurar a sede do Procon-MT, de segunda a sexta-feira, das 13h às 18h30.

No posto do Ganha Tempo, o atendimento ao público é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18h30, e aos sábados, das 7h30 às 12h. Nos postos da Assembleia Legislativa e do Várzea Grande Shopping, o atendimento é de segunda a sexta-feira (das 7h às 18h na AL e das 9h às 19h no Shopping em Várzea Grande). Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 151 ou (65) 3613-8500.